A democracia secreta

O Estadão registra que os senadores intensificaram a articulação por uma votação secreta para deliberar sobre as medidas cautelares e o afastamento, impostos ao senador Aécio Neves (PSDB-MG).

Por 6 votos a 5,os ministros do Supremo Tribunal Federal-STF, decidiram, na quarta-feira (11), que medidas como, o recolhimento noturno, determinadas a deputados federais e senadores devem ser submetidas ao aval da Câmara ou do Senado.

Até 2001, o artigo 53 da Constituição Federal estabelecia votação secreta – a expressão foi suprimida pela Emenda Constitucional 35.

mudancadeparadigmas.com