Aluno recebe diploma do ITA de salto alto e vestido em protesto contra preconceito

O estudante do Instituto Tecnológico da Aeronáutica-ITA, instituição de ensino superior ligada às Forças Armadas, Talles Oliveira Faria decidiu participar sua colação de grau, em engenharia da computação, vestido de mulher, em protesto contra perseguição que ele teria recebido por ser homossexual, de acordo com a Folha de São Paulo.

Faria relata que as diversas punições fizeram com que ele se desligasse da Aeronáutica no meio do curso para não ser expulso da faculdade. A Aeronáutica nega que tenha havido perseguição.

“A manifestação não foi só relacionada à homofobia, mas também à violência psicológica que ocorre aqui dentro“, disse Faria que é homossexual e ativista contra a homofobia.

A decisão de comparecer vestido de mulher à colação foi motivada por uma série de processos que recebeu após outra manifestação, em maio do ano passado, quando ele se vestiu de drag queen para marcar o Dia Mundial do Combate à Homofobia (17 de maio).

O ato ocorreu na hora do intervalo e reuniu outros colegas, com cartazes contra o preconceito. Além de ser processado por agredir “o decoro da classe, protagonizando cenas vulgares” por conta do episódio, Faria recebeu mais seis processos de punição na sequência, alguns relacionadas a postagens em sua conta pessoal do Facebook.

“Tive que deixar de ser militar porque só me deram essa alternativa. Ou pedia o desligamento da Aeronáutica, ou iam me expulsar do ITA e da FAB [Força Aérea Brasileira]”, diz.

O estudante afirma que chegou a pensar em entrar na Justiça contra a FAB sobre o episódio. O receio de ser desligado do ITA fez com que ele prosseguisse com as aulas até a formatura.

 “Sei da homofobia silenciosa, mas efetiva, no ITA e nas Forças Armadas”, diz ele, que não descarta uma ação judicial por conta do episódio. “Espero que as pessoas possam me ver e se sentir mais seguras nesse ambiente“.

aluno-recebe-diploma-vestido-de-mulher

mudancadeparadigmas.com

 

Se você gostou, compartilhe essa matéria ...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page