Chefe do Detran-MG tem carteira de habilitação suspensa

O governo de Minas Gerais determinou que o delegado César Augusto Monteiro Alves Júnior, diretor do Departamento Estadual de Trânsito de Minas Gerais-Detran-MG, entregue sua carteira de habilitação imediatamente.

Alves teria cometido infrações que somariam 120 pontos na carteira. Ele se manifestou por meio de nota neste sábado (6) e atribuiu a pontuação a terceiros, como familiares e motoristas.

“Esclareço que não recebi nenhuma das notificações de autuação das infrações a mim atribuídas, o que inviabilizou, além do meu constitucional direito de defesa, que eu pudesse exercer meu direito-dever de identificar quem conduzia os veículos no momento das infrações e possibilitar a correta responsabilização pelas infrações”, disse.

Apesar do fato o delegado continua na chefia do Detran mineiro.