O luxuoso refúgio de Joesley Batista em Nova York

À luz branca do dia, arco-íris em cascata, um espectro de amostras se lançam de um trilhão de facetas. À noite, brilho esmaecido e taças de champanhe. Esferas de gema vermelha de rosas frescas. Isso é Baccarat.”

Esta é a apresentação do luxuoso edifício onde o empresário Joesley Batista, pivô da mais recente crise política do país, se esconde quando está em Nova York.

Delator da Operação Lava Jato e um dos donos do grupo JBS, Joesley é proprietário de um apartamento em um dos últimos andares do Baccarat Residences, localizado na esquina da Rua 52 com a Quinta Avenida, em frente ao Museu de Arte Moderna, no coração da cidade.

No edifício, de 50 andares, um imóvel custa de US$ 8,5 milhões (R$ 28 milhões) a US$ 9,5 milhões (R$ 31,3 milhões). As unidades residenciais ficam no topo do prédio. Na parte inferior do prédio, funciona um luxuoso hotel 5 estrelas. A diária mais econômica custa cerca de US$ 1 mil.

O prédio, inaugurado em 2014, foi projetado e erguido pela Skidmore, Owings & Merrill (SOM), uma das maiores e tradicionais empresas de arquitetura e engenharia dos Estados Unidos.

Joesley -entrada do Edificio em NYJoesley Batista-baccarat-ny-08

Joesley -baccarat_hotel_nyc_june_2015_7 Joesley -baccarat-hotel-residences-new-york-9-penthouse-loggia

Joesley-baccarat_hotel_nyc_march_2015_124-min

Joesley Batista-baccarat1-ny-08