PMDB pune com suspensão “deputados traidores”

O senador Romero Jucá em ofício enviado ao Tribunal Superior Eleitoral-TSE comunica a determinação do PMDB de suspender os direitos partidários, por dois meses, dos seis integrantes da sigla que votaram contra Michel Temer na denúncia da procuradoria geral da República-PGR, diz Lauro Jardim (O Globo).

Com a suspensão “os rebeldes” perdem cadeiras em comissões e presidências de executivas estaduais.  O ato assinado por Jucá formaliza decisão já tomada pela Executiva do partido, antes da votação.

Serão punidos Jarbas Vasconcelos, Sérgio Zveiter, Veneziano Vital do Rego, Celso Pansera, Laura Carneiro e Vitor Valim.

Leia o oficio(O Antagonista)

mudancadeparadigmas.com

Se você gostou, compartilhe essa matéria ...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePrint this page