Separação litigiosa-Temer rompe com Renan Calheiros

Após receber sucessivas críticas do líder de seu partido no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o presidente Michel Temer afirmou a aliados na noite de quinta (30) que, se o pemedebista buscava o rompimento, conseguiu, diz a coluna Painel(Folha).

A gota d’água foi um vídeo postado pelo senador na internet, no qual ele ataca propostas do governo. A decisão de usar as redes sociais para divulgar conteúdo explosivo rendeu um apelido a Renan no Planalto: “Trump do agreste”.

Para o governo, o senador vinha sinalizando uma ruptura. “Não existe casamento forçado”, resumiu um auxiliar de Michel Temer.

Ainda segundo a coluna “Renan tem feito graça da situação. Disse recentemente que “nem lembrava mais como era bom ser oposição”. Sabe que pode atrapalhar os planos do governo. Como líder, tem a prerrogativa de indicar relatores de projetos e integrantes de comissões”.

Assista ao vídeo:

mudancadeparadigmas.com