Universal é investigada em Portugal após acusação de tráfico de crianças

O Ministério Público de Portugal abriu inquérito para apurar suposta rede de tráfico internacional de crianças que seria articulada pela Igreja Universal do Reino de Deus, diz a Folha.

Em uma série de reportagens do canal TVI, líder de audiência em Portugal, a igreja é acusada de manter, na década de 90, um lar de adoção ilegal no qual famílias pobres deixavam as crianças, sem conhecimento da Justiça.

O inquérito, a cargo do Departamento de Investigação e Ação Penal-DIAP, de Lisboa, foi aberto na semana passada.

A Universal chegou a Portugal em 1989 e se espalhou, impulsionada pela grande quantidade de brasileiros residentes. Atualmente segundo a própria universal, há mais de 120 igrejas no país.

mudancadeparadigmas.com